sábado, 11 de agosto de 2012

Internet e a ancoragem de sentido

A internet derrete os campos de ancoragem de sentidos e coloca todos os signos em equivalência. Assim, tudo entra na lógica do like, e pode se espalhar exponencialmente pela rede. Uma crítica, uma reflexão, uma frase, deixam de valer por  suas direções iniciais de sentido, tal como se configurava na experiência do criador, e passam para a lógica das redes sociais. Como dito por Baudrillard, a massa se magnetiza mas logo volta a seu estado original. Em outras mídias, como os livros, estes ainda são bem codificados em seus respectivos campos de saber ou acadêmicos. Na televisão, há ainda o domínio das grandes empresas músicas e a unilateralidade da transmissão. A multiplicidade e a ausência de centros informacionais na internet permite visualizar melhor o efeito de massa.

Nenhum comentário: